E-mail
Assine já!
Notícias Unisite

25/04/2017 - 08:29:02

Homenagem à índia Vanuíre marca abertura da 45.ª Semana do Índio

ALTERA O
TAMANHO DA LETRA



A Secretaria Municipal de Cultura junto com o Museu Histórico e Pedagógico “Índia Vanuíre”, realizou ontem (24), às 9 horas, a abertura oficial da 45.ª Semana do Índio, festa que já virou tradição em Tupã. A cerimônia, realizada na E.E. Índia Vanuíre, tem por objetivo lembrar e homenagear os indígenas que passaram e que ainda vivem nas terras de Tupã e da região.

Estiveram presentes na solenidade o vice-prefeito e também secretário de Cultura, Caio Aoqui; a gerente geral do Museu Índia Vanuíre, Tamimi David Rayes Borsatto e os vereadores Charles dos Passos, Eduardo Edamitsu, Antônio Carlos Meireles, Paulo Henrique Andrade e Renan Pontelli.

O evento também contou com alunos e a diretora da escola que leva o nome da Índia Vanuíre, Sandra Batista de Oliveira; atiradores do Tiro de Guerra de Tupã, representantes da aldeia indígena Vanuíre e também a coordenadora cultural Kaigang, Dirce Jorge Lipu Pereira.

Durante a solenidade foram lembradas histórias de batalhas e de conquistas da homenageada, Índia Vanuíre. Além disso, também foi ressaltada a importância de comemorar o Dia do Índio e também de levar a cultura indígena para as escolas.

A abertura da Semana do Índio também contou com homenagens dos alunos da Escola Índia Vanuíre, que recitaram um poema para os indígenas presentes. No final da cerimônia, ainda foram depositadas flores no local onde se encontram os restos mortais da grande pacificadora Índia Vanuíre.

Segundo a gerente do Museu Histórico e Pedagógico “Índia Vanuíre”, Tamimi Borsatto, a Semana do Índio é de extrema importância, porque além de relembrar a história dos primeiros habitantes do país, também homenageia os indígenas moradores da região.

“Nós não poderíamos falar da Semana do Índio sem lembrar da figura principal, que é a nossa pacificadora a índia Vanuíre. E começar essas comemorações na escola que leva o seu nome e guarda os seus restos mortais torna a Semana ainda mais especial. Esse ano preparamos uma programação para a semana toda, onde os índios da terra indígena de Vanuíre e Catu estarão presentes realizando oficinas, cartazes o nosso tradicional festival de dança e música indígena, que é o único no estado de São Paulo, enfim, tudo isso no nosso museu ‘Índia Vanuíre’, que conquistamos após muito esforço e muita garra”, contou.

Já a diretora da Escola Estadual Índia Vanuíre, Sandra Márcia Baptista de Oliveira Pires, disse que a educação é a grande aliada da cultura e a história faz com que possamos nos recordar e comemorar grandes feitos realizados pelos nossos antepassados.

“Eu acredito muito na educação e no poder de evolução que ela tem, também acredito que a história traz para as nossas vidas o que temos de mais valioso que são as nossas origens e os nossos valores. Hoje, junto à abertura da Semana do Índio, pudemos mostrar para os nossos alunos a importância de homenagear figuras tão admiradas pela nossa cidade, que lutaram por Tupã e pela pacificação entre os povos. Eu fico muito honrada de fazer parte dessa solenidade e gostaria de agradecer a Secretaria de Cultura e ao Museu por nos proporcionar momentos de extremo valor como essa homenagem”, contou.

Em discurso, a representante da terra indígena Vanuíre e também a coordenadora Cultural Kaigang, Dirce Jorge Lipu Pereira, agradeceu pela homenagem à Índia Vanuíre e ainda lembrou a todos os presentes que o Dia do Índio não deve ser comemorado apenas no dia 19 de abril e sim todos os dias do ano, com ações de valorização, apoio e visibilidade a cultura indígena.

“Em nome do povo Kaingang eu agradeço pelo carinho e homenagem concedida a nossa pacificadora Índia Vanuíre. Sem dúvidas essa foi uma homenagem muito bonita e eu fico muito feliz de estar aqui hoje nessa homenagem. Nós kaingang ainda continuamos lutando pela cultura, pelos nossos costumes, lutando pelo nosso idioma, igual à índia Vanuíre fez e por isso essa homenagem também pode se dizer que é para o nosso povo que vive na luta pela nossa origem e história. Infelizmente o índio não é lembrado como deveria, gostaríamos que fôssemos lembrados pela população em mais vezes, assim como também pelas nossas autoridades, pois não fazemos parte da história de Tupã apenas no dia 19, então gostaríamos que fôssemos mais valorizados e são homenagens como essas que nos deixam esperançosos que as coisas melhorarão. Gostaria de agradecer a todos os presentes e também a aqueles que incansavelmente nos apoiam, e aproveitar para pedir as nossas autoridades que olhem mais por nós indígenas e não se esqueçam de valorizar a nossa cultura e a história do nosso povo, pois o dia do índio é todo dia”, disse.

O vereador Charles dos Passos, em nome de todos os vereadores presentes, também falou da importância de homenagear a pacificadora Índia Vanuíre e ainda revelou sobre futuros projetos que serão realizados para dar mais espaço aos indígenas da região, para que os mesmos possam comercializar seus artesanatos e preservar a cultura através da arte.

“Primeiramente, em nome de todos os vereadores, gostaria de agradecer a presença de todos. Sem dúvidas nós não podemos nos esquecer de onde viemos e como a história de Tupã começou. Hoje estamos em frente ao mausoléu da índia Vanuíre que deixou seu exemplo através da cultura kaingang. Ela conseguiu fazer a pacificação entre os brancos e os indígenas e com isso mostrou seu grande caráter e amor ao seu povo. Graças a ela não tivemos uma matança ainda maior como foi naquela época e nada mais do que justo iniciar a Semana do Índio homenageando essa grande mulher, que se arriscou para salvar seu povo e trazer paz entre todos.

Gostaria de parabenizar os representantes indígenas que vieram prestigiar esse evento e revelar que já existe um projeto em andamento, que é indicação do vereador Meireles, onde destinaremos um espaço onde os índios possam comercializar suas artes e valorizar sua cultura, unindo assim os municípios de Tupã e Arco-íris pelo bem dos nos índios”, revelou.

O vice-prefeito e secretário de Cultura, Caio Aoqui, também ressaltou a importância das homenagens ao povo indígena e ainda parabenizou os envolvidos pela organização da Semana do Índio.

“É com grande alegria que com essa solenidade iniciamos a Semana do Índio, um importante evento para a nossa cidade e também para o nosso povo. Graças à parceria da Prefeitura e também do Museu Índia Vanuíre, poderemos proporcionar nessa semana diversas atividades que valorizarão a história do povo indígena, mostrando sua arte, sua cultura, seu idioma e o seu valor perante a sociedade. Tupã é uma cidade em que as questões indígenas estão no seu DNA, e por isso é importante valorizarmos os nossos índios. Gostaria de parabenizar a todos os envolvidos nessa semana do Índio e agradecer também a presença dos indígenas Kaingang, que vieram representar seu povo no nosso evento”, finalizou.